25 de fev de 2011

Ericeira é a nova Reserva Mundial de Surf

A World Surfing Reserve anunciou ontem que duas zonas surf nomeadas - Ericeira, em Portugal e Santa Cruz, no norte da Califórnia - foram formalmente aprovadas como Reservas Mundiais de Surf.

As duas regiões icónicas de surf juntam-se assim a Malibu, na Califórnia, que foi consagrada como a primeira Reserva Mundial de Surf em Outubro de 2010, e Manly Beach, na Austrália, que foi aprovada em 2010 e está a aguardar para receber a formalização este ano como sendo um dos primeiros locais a receber a prestigiada designação de Reserva Mundial de Surf (World Surfing Reserve).

A Ericeira é a meca do surf português sendo também muito frequentada por surfistas estrangeiros. A área aprovada na Ericeira consiste em 4 kms de costa que contém um grupo altamente concentrado de picos de surf de qualidade, vários deles de classe mundial, incluindo a popular Ribeira d'Ilhas entre outros spots de renome mundial.

"A Ericeira tem uma costa litoral muito diversificada para o surf, tem algo para todos", disse o surfista português profissional do World Tour, Tiago Pires, que cresceu a surfar na Ericeira. "Há ondas grandes, ondas pequenas, ondas para surfistas experientes e para iniciantes. Adoro este local e estou contente por vê-lo começar a ter o reconhecimento que merece, assim como uma ferramenta para ajudar melhor a protegê-la."
A zona de Santa Cruz, cerca de 11 kms de costa que se estende desde Natural Bridges no extremo oeste de Opal Cliffs até ao leste de Pleasure Point, é composta por um denso aglomerado de ondas de sonho com água fria e está envolta numa grande tradição de surf. A zona é conhecida por spots icónicos em Steamer Lane e Pleasure Point, pointbreaks de direitas de renome mundial .

O actual dez vezes campeão do mundial, Kelly Slater, que tem dado o seu apoio ao movimento das Reservas Mundiais de Surf deste o ano passado, também expressou seu forte apoio para a Ericeira e Santa Cruz. "Todas as vezes que temos a hipótese de preservar oficialmente uma praia ou surf break específico, dou todo o meu apoio", disse. " As Reservas Mundiais de Surf estão a pôr a fasquia alta, pesquisando um pouco por todo o mundo com o objectivo de encontrar o próximo grupo de praias a serem protegidas. Estou ansioso pela designação e protecção futura dessas praias - tal como muitas outras pessoas", concluiu.

Além do seu significado cultural e estético, cada Reserva Mundial de Surf é um encontro de terra e mar seleccionados pela natureza única, pelas suas ondas e cenário natural. A dedicação de cada Reserva Mundial de Surf visa a protecção dessas zonas costeiras de ondas e de habitat devido ao desenvolvimento inadequado, através de parcerias locais e internacionais que juntam a comunidade em torno da conservação, para melhorar e ditar administração da área.

Nenhum comentário: